Checklists, Comportamento


Como disciplinar sem drama (seu ou dos pequenos)


Disciplinar é uma das coisas mais difíceis de ser pais. Nós sempre conversamos sobre isso. Se fosse só olhar, cuidar e ter a certeza que eles estão bem e alimentados seria bem mais fácil. Alias, esse é a grande diferença entre pais e avós – o que pode gerar muitos conflitos. Aos pais cabe realmente educar e disciplinar, enquanto aos avós, tios, primos, padrinhos cabe simplesmente curtir e cuidar.

E nós como pais não podemos fugir, fechar os olhos, estar com preguiça ou até mudar de opinião do meio do caminho, senão lá se vai todo o esforço pelo ralo…

Resolvemos juntar algumas dicas de como disciplinar seus pequenos sem (muito!) drama:

checkVocê não vai conseguir disciplinar seu pequeno até você ter uma idéia clara e consistente do que é disciplinar 

A disciplina é proativa, nunca reativa. Ela precisa ter princípios pré-determinados e seguir uma estratégia. Ou seja, saiba como você gostaria de reagir ao mal comportamento, antes que ele aconteça. Discuta isso com o seu parceiro. Decidam juntos o que vocês acham certo. Tenha certeza que vocês saibam os motivos pelos quais decidiram reagir assim porque vocês vão precisar se explicar isso varias e varias vezes.

checkSeja consistente na sua definição de disciplina assim como na maneira de agir 

É muito importante permanecer firme. Tente fugir de reações tirânicas ou caprichosas e foque em perguntar porque seu filho agiu como agiu. Isso fará com que eles também reflitam sobre o que aconteceu.

checkNão minimize o que está causando a falta de disciplina

A grande maioria das vezes o mal comportamento está relacionado a 4 fatores: fome, raiva, solidão ou cansaço. Ou seja, quando você reage rapidamente com castigo isso apenas simplifica demais a situação. Antes de reagir ou punir, faça contato físico. E isso não significa se impor ou apontar o dedo. Abaixe no seu nível e enquanto fala coloque a mão no seu ombro ou faça carinho nas costas. Mesmo que estejam se comportando mal, nesse momento eles estão vulneráveis e qualquer contato físico ajuda a desarma-los.

checkConfirme verbalmente que você esta entendendo o que a criança esta te falando

Quando estiver conversando com o pequeno, fazendo perguntas e entendendo a situação realmente escute o que ela tem para falar e reflita sobre isso. Isso pode ajudar muito, inclusive, na disciplina e situações futuras.